Pesca Ó Peixe – Repórteres pela Literacia do Mar

4 escolas, 4 temas centrais, 4 produtos finais… Estava lançado o mote para uma aventura pelos mares de Sesimbra.

Assim, no âmbito do projeto ‘Pesca Ó Peixe – Repórteres pela literacia do Mar’, alguns alunos da Escola Básica do Castelo e da Escola Secundária de Sampaio aceitaram o desafio e mergulharam neste projeto.

Ao longo de vários meses, foram desenvolvidas atividades que deram origem a diversos produtos finais: artigos para o jornal local O Sesimbrense, entrevistas no jornal online Mares de Sesimbra, cartazes e comunicações orais.

O LOOKaes deixa, neste final de ano letivo, o registo de algumas dessas atividades, bem como o testemunho de alguns dos nossos ‘repórteres pela literacia do mar’ envolvidos na aventura do ‘Pesca Ó Peixe’.

‘Ler+ Mar’ e o ‘Pesca Ó Peixe’

Quando a Flávia Silva, investigadora da FCT/UNL, nos apresentou a proposta de participarmos no projeto “Pesca ó peixe”, agarrámos logo a oportunidade, pois duas bibliotecas do nosso Agrupamento tinham acabado de ser selecionadas no âmbito da iniciativa “Ler+ Mar”, promovida pelo Plano Nacional de Leitura. Com efeito, ao apresentarmos a candidatura ao “Ler+ Mar”, tínhamos previsto estabelecer parcerias que projetassem o agrupamento na comunidade e trouxessem novos conhecimentos e possibilidades de trabalho aos nossos alunos, logo a proposta da Flávia foi uma espécie de cereja no topo do bolo.

Até porque embora o concelho de Sesimbra e grande parte da sua população estejam e continuem a estar ligados ao mar, as atividades relacionadas com o mar, constituindo uma realidade próxima, nem sempre são familiares para os nossos alunos.
Tendo em conta os objetivos, os temas e as tarefas propostas no projeto “Pesca ó peixe”, existiam, naturalmente, neste Agrupamento, condições para participarmos.

Tratava-se de um projeto que encaixava perfeitamente no que tínhamos pensado, isto é, desenvolver atividades que, em simultâneo, olhassem para o passado (a aiola, por exemplo) e antecipassem soluções para o futuro (a sustentabilidade da pesca e a biodiversidade). Nesse sentido, procedeu-se à recolha e ao registo vídeo de depoimentos e testemunhos de antigos e atuais pescadores (valorizando o saber humano, uma espécie de património imaterial), as artes da pesca e a tipologia das embarcações.

O facto de os alunos terem de apresentar o seu trabalho em cada uma das escolas envolvidas e no evento final para a comunidade ajudou também a cumprir outro dos nossos objetivos: sensibilizar os alunos, os professores e a comunidade educativa para a importância e a presença do mar no nosso quotidiano e na nossa história coletiva.

Sendo assim, esta parceria foi de tal modo frutuosa que só nos resta esperar que haja outras iniciativas no futuro ficando a certeza de que diremos sempre ‘presente’.

Professora Idalina Costa, Professora Bibliotecária da ESS

 A sustentabilidade da Pesca em Sesimbra

Participar no “Pesca Ó Peixe” foi muito enriquecedor e gratificante. Eu própria, enquanto professora, fiquei a saber muito mais sobre as artes de Pesca de Sesimbra e sobre o seu impacto no meio ambiente, temáticas que estão um pouco afastadas da minha área de formação. O empenho por parte dos alunos envolvidos foi uma constante durante as várias etapas do projeto, que culminou, no evento de encerramento, com a apresentação final, representando estes alunos, de forma exemplar, a Escola Secundária de Sampaio. O envolvimento neste projeto fomentou, ainda, o trabalho em equipa e foi importante, pois permitiu melhorar as relações interpessoais num outro contexto que não o da sala de aula.

Professora Elsa Oliveira, Escola Secundária de Sampaio

Participar neste projeto foi tanto esclarecedor como divertido, ensinou-nos inúmeras coisas sobre as nossas águas e sobre aquilo que acontece todos os dias no nosso mar, fez-nos querer estar atentos a aspetos mais importantes acerca da nossa economia e do ambiente. Ofereceu-nos ainda a incrível experiência de trabalhar em diferentes áreas da comunicação com diferentes pessoas, mas sempre com um tema e objetivo comum. Espero que este tipo de projetos continue a existir e que continue a ensinar as próximas gerações tanto como me ensinou a mim.

Eugénia Patrício, 10.º G, Escola Secundária de Sampaio

A apresentação foi muito boa, esclareceu-nos algumas dúvidas que tínhamos em relação às artes de pesca e aos seus impactes no meio ambiente.

Ricardo Ramada, 10.º G, Escola Secundária de Sampaio

Tanto as apresentações realizadas como as entrevistas foram importantes, devido à nossa “inexperiência” em relação à “pesca”; estes trabalhos ajudaram-nos, por isso, a ter uma melhor compreensão destes assuntos.

Catarina Caçote, 10.º G, Escola Secundária de Sampaio

Foi muito divertido participar neste projeto, e gostei muito de apresentar para várias escolas/pessoas um tema de que, pessoalmente, gosto bastante: a pesca e a sua sustentabilidade.

Miguel Silva, 10.º G, Escola Secundária de Sampaio

Gostei imenso do dia do evento final do “Pesca Ó Peixe”, e adorei fazer parte do projeto! Voltarei a participar, caso exista outra oportunidade. Gostei imenso das apresentações. Acho que fizemos uma boa apresentação e um bom trabalho (apesar dos nervos), foi um dia produtivo, foi uma experiência diferente e os bolos estavam ótimos! Nota 20!

Cátia Quinta-Feira, 10.º G, Escola Secundária de Sampaio

Participar neste projeto fez-me evoluir nas competências de comunicação, sendo que também desconhecia completamente o tema trabalhado e foi uma forma de ficar a saber mais sobre as artes de pesca. Foi também muito divertido e uma experiência bastante diferente. Espero que haja mais projetos assim.

Carlota Carrilho, 10.º G, Escola Secundária de Sampaio

 

Ver mais no Facebook do projeto: https://www.facebook.com/PescaOPeixe/?fref=ts

About The Author

LOOKaes

Leave a Reply

Your email address will not be published.