Para os mais distraídos, o título não remeterá para nada de importante…não resisti, confesso…fiquei a pensar em Elsinore e Hamlet…assaltou-me a mente.

Para os da Coreia do Norte, não existem opções. Está tudo pré-determinado, avaliado, formatado. Ditadura no seu “melhor”.

Para os da Coreia do Sul, há escolhas e escolhas…ou seja, dá-se oportunidade de utilizar critérios de atuação e promove-se a individualidade, idiossincrasias e afins…e o resultado é altamente questionável.

Corre na Netflix, a série, e nos equipamentos dos mais jovens também…promovem-se jogos “live” em locais escolhidos e publicitados nas redes sociais. Massacres impunes.

As relações humanas sempre foram difíceis e o equilíbrio muito instável. As questões de natureza social, uma problemática constante. Quando é que a vida foi fácil? Quem terá “vendido” essa ideia aos jovens?…a adultícia chega cada vez mais tarde ou nunca.

O bom senso partiu para parte incerta.

A vida parece ter passado a valer muito pouco.

Novembro 2021, partilhado por Paula Ornelas

About The Author

Leave a Reply

Your email address will not be published.